As conotações do destino no Antigo Testamento a partir de mnh: The Old Testament connotations of fate from mnh

Research output: Contribution to journalArticle

4 Downloads

Abstract

Este trabalho pretende explorar as semânticas associadas à ideia de destino através da análise das palavras construídas pelo radical mnh que se encontram no Antigo Testamento: o verbo mānāh, o nome comum menāṯ e o nome próprio Meny. É uma análise também quantitativa e comporta, sobretudo, uma pesquisa incidente nas traduções para Língua Portuguesa. Percorrerá algumas das principais ocorrências de termos que possam corresponder ao espetro semântico de “destino” na literatura do antigo Oriente. Problematiza-se, por fim, a questão do destino na sua relação com temáticas como a adivinhação, a guerra e o messianismo.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)165-179
Number of pages14
JournalCadmo. Journal for Ancient History.
Volume4.1.
Issue numberTomo I
Publication statusPublished - 2023

Cite this