As Novas Dimensões de Recrutamento do Terrorismo Jihadista: o Sistema de Conscrição e de Auto-Recrutamento

Research output: Contribution to journalArticle

Abstract

O processo de recrutamento para um grupo violento (que também se designa como célula) é um processo dinâmico e fruto da invasão do Afeganistão, que retirou a componente operacional à Al-Qaeda, a antiga aceção do recrutamento por um recrutador ligado a uma organização terrorista Jihadista diminuiu de importância. Se os atentados de 11 de Setembro de 2001 foram planeados e os membros da célula de Hamburgo foram treinados e recrutados diretamente pela Al-Qaeda, tal já não sucedeu com as células de Madrid, Hofstad e de Londres ou de outras células entretanto desmanteladas no espaço europeu.
O presente artigo visa identificar as novas formas de recrutamento do terrorismo Jihadista, associado à alteração do papel da Al-Qaeda, de grupo terrorista Jihadista para um franchising.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)34-39
JournalRevista Segurança e Defesa
Issue number13
Publication statusPublished - Mar 2010

Cite this