Redação jornalística na palma da mão: uma reflexão sobre o uso dos dispositivos digitais móveis na produção de notícias

Research output: Contribution to conferenceAbstract

1 Downloads

Abstract

Objetivos do estudo: Analisar de que forma o uso dos dispositivos digitais móveis modificou a produção jornalística, principalmente, a partir do aumento da mobilidade e autonomia do jornalista, que passou a poder produzir, editar e publicar as notícias sozinho e distante da redação de jornal, usando apenas um smartphone. Dessa forma, refletir também sobre as condições laborais atuais e os fenômenos do jornalismo multitarefa e individualizado. Conclusões: A evolução tecnológica dos dispositivos digitais móveis, em especial, o smartphone, permitiu que o jornalismo do século XXI seja mais ágil e flexível, no sentido de acelerar as etapas do ciclo de produção de notícias, abrangendo uma maior variedade de formatos de notícia. Uma outra mudança de impacto foi o aumento da mobilidade e autonomia do jornalista, que passou a trabalhar sozinho e distante da redação de jornal. O que antes era trabalho de uma equipe, hoje é responsabilidade de apenas um profissional, munido com alguns equipamentos e uma rede móvel de internet. Dessa forma, jornalistas conseguem realizar transmissão de imagem e som em directo e publicar reportagens em texto nas plataformas digitais da empresa, longe da redação de jornal, por exemplo. Essa autonomia é muito importante ainda mais em um contexto recente de pandemia e quarentena, no qual muitos jornalistas tiveram de utilizar seus smartphones e outros equipamentos para trabalhar.Sendo assim, o argumento central deste texto é de que a técnica desenvolvida no jornalismo móvel – como é denominada a produção jornalística que usa os dispositivos digitais móveis – converge com algumas tendências contemporâneas do jornalismo. A primeira que discutimos é a do trabalho individualizado e do acúmulo de funções, em decorrência da diminuição dos postos de trabalho. Com alguns equipamentos, o profissional consegue sozinho trabalhar todas as etapas do ciclo de produção de notícia (produção, edição e publicação). A segunda é a do fluxo contínuo de informação. Os smartphones e as redes móveis de internet promoveram a ubiquidade no jornalismo, ou seja: os jornalistas produzem notícia em qualquer lugar e a qualquer hora, e o público consome as notícias nessas mesmas condições.
Original languagePortuguese
Publication statusPublished - 11 Apr 2022
EventXII Congresso da SOPCOM: Comunicação & Disrupção, Desafios Culturais, Societais e Tecnológicos - Portugal, Lisbon, Portugal
Duration: 11 Apr 202213 Apr 2022
http://www.sopcom2022.pt/

Conference

ConferenceXII Congresso da SOPCOM
Abbreviated titleSOPCOM 2022
Country/TerritoryPortugal
CityLisbon
Period11/04/2213/04/22
Internet address

Cite this