Avaliação clínica e radiográfica da variação da papila gengival e suas proporções

  • Daniela Mendes Santos (ALuno)
  • Correia, A. (Supervisor)
  • Filipe Miguel Soares Famegas de Araújo (Co-supervisor)
  • Marques, T. (Co-supervisor)

Atividade: Orientações

INTRODUÇÃO: A elegância de um sorriso é cada vez mais desejada pela sociedade. O tecido gengival tem vindo a revelar ser um fator crucial para criar essa harmonia. A proporção entre dentes e papilas interdentárias pode ajudar a alcançar esse anseio. OBJETIVOS: Determinar e quantificar matematicamente a influência da localização da papila interdentária no sorriso, em relação ao tamanho da coroa dos dentes e à localização da crista óssea alveolar. METODOLOGIA: Recolha padronizada de 100 fotografias e 150 radiografias digitais, em 50 indivíduos (22 homens e 28 mulheres), com uma média de 22 anos de idade. Clinicamente foram feitas medições das alturas e larguras das coroas dos incisivos maxilares. Nas fotografias foram avaliadas as seguintes variáveis: altura da papila interdentária, altura da gengiva exposta e exposição de papila interdentária no sorriso. Nas radiografias foi avaliada a altura radiográfica da papila interdentária. Como tratamento estatístico, executou-se uma análise descritiva e das distribuições, recorrendo a testes como t test de Student, Mann-Whitney, ANOVA, Qui-Quadrado e o teste de continuidade. A correlação entre variáveis foi realizada através da correlação de Pearson. RESULTADOS: Para um p-value < 0,05, a altura da papila interdentária é maior em mesial e nos incisivos centrais maxilares; a proporção entre papila e altura da coroa é maior em mesial; a altura radiográfica da papila é maior em distal; a proporção entre papila crestal e altura da coroa é maior em distal e nos incisivos laterais maxilares e a exposição de papilas é superior no sexo feminino. CONCLUSÃO: A variação da papila é determinante para uma boa estética oral. Através das proporções calcudadas consegue-se determinar qual a altura ideal das papilas interdentárias segundo a variabilidade do tamanho das coroas clínicas.
Período21 jul 2017
Realizado emUniversidade Católica Portuguesa
Grau de reconhecimentoMestrado

Keywords

  • Papila dentária
  • Estética dentária
  • Coroa dentária
  • Fotografia digital
  • Caraterísticas dento-gengivais