Centro de Estudos Filosóficos e Humanísticos (CEFH)

Perfil da organização

O CEFH pretende investigar, numa perspetiva interdisciplinar, as relações entre Natureza, Pessoa e Sociedade, no contexto das novas conceções do ser humano e das relações interpessoais que emergem das ciências cognitivas. A Unidade integra as contribuições das áreas de Filosofia, Linguística, Ciências da Comunicação, Estudos Literários e Psicologia e promove o diálogo entre algumas das principais tradições filosóficas (e.g. fenomenologia, filosofia da religião, filosofia da natureza, filosofia da mente) e as atuais ciências cognitivas.

O CEFH explora três tópicos de investigação da relação do indivíduo com os outros e com o mundo: (1) processos causais, sistemas complexos e emergências; (2) ecologias do humano: identidade, alteridade, felicidade; e (3) cognição, intersubjetividade e desenvolvimento humano. Assumindo o princípio experiencialista da cognição corporizada, estes temas são estudados como expressões simbólicas do cérebro/mente corporizado e enativo.

O primeiro tópico de investigação estuda a influência causal de sistemas complexos nos seus constituintes, tentando determinar as suas continuidades e ruturas. É dada especial atenção à causalidade “top-down” e a sistemas físicos (a níveis micro e macro), bem como redes neurológicas e cerebrais e sua relação com os substratos físico-biológicos, as línguas e a génese de relações sociais. São também analisadas as propriedades emergentes em sistemas complexos, especialmente pensamento, linguagem e religião.

O segundo tópico explora as noções de identidade pessoal e identidade comunitária, procurando determinar e descrever os fatores, entre os quais se destaca a memória, que contribuem para a sua consolidação ou para a sua erosão, no contexto contemporâneo, marcado pelo (des)encontro de culturas potenciado pelos fluxos migratórios e pelas possibilidades da comunicação da era digital. Neste contexto, são também estudadas as implicações ao nível da hospitalidade e da realização humana.

O terceiro tópico explora as relações entre linguagem, cognição e sociedade, investigando a interação entre fatores psicológicos e socioculturais do significado e sua variação. É aprofundado também o conhecimento sobre os processos psicobiológicos, psicossociais, comportamentais e emocionais, analisando o papel de fatores sociodemográficos, culturais e intersubjetivos na conceptualização, explicação e promoção do desenvolvimento saudável. É ainda estudada a relação entre desenvolvimento e direitos humanos, investigando modos de promover a liberdade, a cidadania, o bem-estar e a dignidade da Pessoa.

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Em 2015, os estados membros da ONU acordaram 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) globais para acabar com a pobreza, proteger o planeta e garantir a prosperidade para todos. O nosso trabalho contribui para o(s) seguinte(s) ODS:

  • ODS 2 - Zero fome
  • ODS 3 - Boa saúde e bem-estar
  • ODS 4 - Educação de qualidade
  • ODS 5 - Igualdade de género
  • ODS 7 - Energia acessível e limpa
  • ODS 8 - Trabalho digno e crescimento económico
  • ODS 10 - Desigualdades reduzidas
  • ODS 11 - Cidades e comunidades sustentáveis
  • ODS 12 - Consumo e produção responsáveis
  • ODS 13 - Ação climática
  • ODS 16 - Paz, justiça e instituições fortes

Impressões digitais

Explore os tópicos mais investigados na Centro de Estudos Filosóficos e Humanísticos (CEFH).

Rede

Colaboração externa recente ao nível do país/território. Explore em detalhe clicando nos pontos ou