A dádiva, o tempo e o trabalho voluntário

Henrique Araújo

Resultado de pesquisarevisão de pares

10 Transferências (Pure)

Resumo

Este texto utiliza a perspectiva do método comparado da Antropologia, tendo como objectivo, discutir a pertinência da tese de Marcel Mauss (1923- -1924) no famoso “Essai sur le Don”, no contexto das sociedades globalizadas de hoje. Nestas, os chamados “Terceiro Sector” e “Sector Não Lucrativo” circulam bens e serviços como formas de dádivas sui generis em redes de solidariedade entre desconhecidos. Parece assim, estarmos já longe das três obrigações, dar, receber e retribuir das sociedades arcaicas estudadas por Mauss. Estaremos?
Título traduzido da contribuiçãoDonations, time and voluntary work
Idioma originalPortuguese
Páginas (de-até)133-139
Número de páginas7
RevistaCadernos de Pedagogia Social
Número de emissão3
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 1 jan. 2009

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “A dádiva, o tempo e o trabalho voluntário“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação