A oxigenoterapia nasal de alto fluxo na pessoa com infeção por SARS-CoV-2 – uma scoping review

Ricardo José Ramos Faria, Sofia de Oliveira Dias Lopes, Maria Manuela Madureira Lebre Madureira, Isabel Cristina Mascarenhas Rabiais

Resultado de pesquisarevisão de pares

15 Transferências (Pure)

Resumo

Introdução: a infeção por SARS-CoV-2 veio modificar os cuidados de saúde, levando a que técnicas inovadoras de administração de oxigénio fossem testadas. A Oxigenoterapia nasal de alto fluxo (ONAF) ganhou destaque nesta pandemia, tornando-se, muitas vezes, controversa na abordagem ao doente com COVID-19. Objetivos: o objetivo desta scoping review é mapear a evidência disponível sobre os benefícios do uso da ONAF no doente com infeção por SARS-CoV-2.  Materiais e métodos: a presente scoping review será guiada segundo a metodologia do Joanna Briggs Institute. Foram definidos critérios de elegibilidade com base na população, conceito e contexto, considerando adultos com infeção por SARS-CoV-2 (população), oxigenoterapia nasal de alto fluxo (conceito), contexto hospitalar (contexto). Considerou-se bibliografia publicada e não publicada em português, inglês e espanhol, sendo limitada para publicações do ano 2020, nas bases de dados MEDLINE complete, CINAHL complete, PubMed, Cochrane, Nursing & Allied Health Collection e ainda OpenGrey e RCAAP. Dois revisores independentes triaram os títulos e resumos e posteriormente analisaram o texto completo dos documentos selecionados, extraindo a informação útil. Resultados: pela pesquisa em bases de dados encontraram-se 119 artigos, tendo sido apenas incluídos 12 na scoping review. Na generalidade, todos os estudos apresentam benefícios acerca da utilização da ONAF na pessoa com infeção por SARS-CoV-2, nomeadamente na redução da taxa de ventilação mecânica, na redução do tempo de internamento, uma melhor tolerância da técnica, bem como mais conforto, comparativamente a outras terapias de administração de oxigénio. Considera-se que o risco de contaminação por aerossolização é reduzido, caso sejam garantidas as devidas medidas de segurança. Conclusões: a ONAF é considerada uma técnica segura e com benefícios na abordagem ao doente com infeção por SARS-CoV-2. Ressalvamos que os enfermeiros têm um papel fundamental na vigilância e segurança da pessoa submetida à ONAF.
Título traduzido da contribuiçãoHigh flow nasal cannula in SARS-CoV-2 infection – a scoping review
Idioma originalPortuguese
Páginas (de-até)4-11
Número de páginas8
RevistaCadernos de Saúde
Volume14
Número de emissão1
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 3 jan. 2022

Keywords

  • Oxigenoterapia
  • Infeção
  • Insuficiência respiratória
  • Cuidados de enfermagem
  • SARS-CoV-2

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “A oxigenoterapia nasal de alto fluxo na pessoa com infeção por SARS-CoV-2 – uma scoping review“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação