Burnout assessment in nurses from a general emergency service

Título traduzido da contribuição: Avaliação do burnout em enfermeiros de um serviço de urgência geral

Daniela Filipa Rocha Nobre, Isabel Cristina Mascarenhas Rabiais, Patrícia Cruz Pontífice Sousa Valente Ribeiro, Paulo Rosário Carvalho Seabra

Resultado de pesquisarevisão de pares

7 Citações (Scopus)
16 Transferências (Pure)

Resumo

Objetivo: Avaliar o nível de Burnout dos enfermeiros de um serviço de urgência geral. Método: Estudo quantitativo, descritivo, correlacional e transversal. Participaram 32 enfermeiros de um serviço de urgência geral de adultos que responderam a um questionário para avaliar o Burnout. (Copenhagen Burnout Inventory). Resultados: Verificou-se que 59,4% dos enfermeiros estavam em Burnout Total, sendo o Burnout relacionado com o trabalho, a dimensão com valor mais elevado. Apurou-se que quanto menor a idade, quanto mais tempo na instituição, maior o nível de Burnout. Quanto mais tempo de exercício profissional, menor o Burnout. Verificou-se ainda valores mais elevados de Burnout nos participantes que pensam em mudar de profissão, nos que pensam em mudar de instituição e mudar de serviço. Conclusão: A prevalência de Burnout é elevada. O Burnout profissional é a dimensão mais prejudicada. A idade e o contexto de exercício são as dimensões que mais influenciam a perceção de Burnout.
Título traduzido da contribuiçãoAvaliação do burnout em enfermeiros de um serviço de urgência geral
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)1457-1463
Número de páginas7
RevistaRevista brasileira de enfermagem
Volume72
Número de emissão6
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - dez 2019

Keywords

  • Esgotamento profissional
  • Enfermagem
  • Estresse psicológico
  • Emergências
  • Condições de trabalho

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Avaliação do burnout em enfermeiros de um serviço de urgência geral“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação