Comfort in the emergency service: the experience of families of critically ill patients

Título traduzido da contribuição: O conforto em contexto de urgência: a experiência da família da pessoa em situação crítica

Resultado de pesquisarevisão de pares

1 Citação (Scopus)
20 Transferências (Pure)

Resumo

Enquadramento: Perante a vivência de uma doença crítica, o conforto enquanto necessidade acontece tanto na pessoa que vivencia a doença, como nos seus familiares. Objetivo: Compreender a experiência do conforto da família da pessoa em situação crítica (PSC) em contexto de urgência. Metodologia: Estudo exploratório descritivo misto recorrendo-se à entrevista semi-estruturada, numa amostragem não probabilística acidental de 10 familiares da pessoa em situação crítica num serviço de urgência. Resultados: O significado de conforto expressou-se por um estado/perceção de segurança destacando-se a dimensão psico-espiritual e física. Os fatores promotores de conforto relacionaram-se com atitudes/interações positivas, competências técnico-científicas e relacionais dos enfermeiros, com enfoque na dimensão psico-espiritual. As sugestões para um cuidado confortador centraram-se no desenvolvimento de competências relacionais e de comunicação. Conclusão: A perceção de conforto relaciona-se com a situação/circunstância vivida e assume um carácter transitório. No serviço de urgência, o conforto surge como uma dimensão que o enfermeiro pode ajustar, compatibilizando interesses e realizando determinadas atividades promotoras da capacitação da família da PSC.
Título traduzido da contribuiçãoO conforto em contexto de urgência: a experiência da família da pessoa em situação crítica
Idioma originalEnglish
Número do artigoe21118
Número de páginas8
RevistaReferência
Volume6
Número de emissão1
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 1 jan. 2022

Keywords

  • Cuidados de conforto
  • Familia
  • Pessoa doente
  • Cuidados críticos
  • Urgência

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “O conforto em contexto de urgência: a experiência da família da pessoa em situação crítica“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação