Creating a portuguese biblical network: the british and foreign Bible Society in Portugal between the 19th and 20th centuries.

Resultado de pesquisarevisão de pares

Resumo

O trabalho pioneiro da Sociedade Bíblica Britânica e Estrangeira (SBBE) em Portugal, a primeira instituição a promover um movimento de circulação bíblica no país, foi implementado como uma dinâmica de clivagem social, cultural e religiosa num país maioritariamente católico romano, onde a relação com a Bíblia era substancialmente diferente daquela desenvolvida em universos religiosos ditos evangélicos. O nosso estudo pretende refletir sobre esse processo através da análise da inclusão progressiva da Sociedade Bíblica, uma instituição de origem britânica – e consequentemente percecionada como de influência “estrangeira” e “protestante” – na rede das livrarias e feiras portuguesas e no âmbito de eventos e dinâmicas como as Feiras do Livro de Lisboa e do Porto ou as conferências públicas levadas a cabo por todo o país, ao longo dos finais do século XIX e inícios do século XX, um período decisivo na história da instituição em Portugal. A análise desse percurso permitir-nos-á refletir sobre o propósito declarado da Sociedade Bíblica de repensar as fronteiras culturais e religiosas da sociedade portuguesa – essencialmente através da promoção do livre acesso às Escrituras e do estudo bíblico – e sobre o seu papel no processo de recomposição religiosa em curso no país nesse período.
Idioma originalEnglish
RevistaCadmo
Estado da publicaçãoSubmetido - 2021

Keywords

  • Diferenciação religiosa
  • Bíblia
  • Livro
  • Protestantismo
  • Catolicismo romano

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Creating a portuguese biblical network: the british and foreign Bible Society in Portugal between the 19th and 20th centuries.“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação