Currículo local: entre a retórica do prescrito e a realidade concreta

Mahomed Nazir Ibraimo, Ilídia Cabral

Resultado de pesquisa

1 Transferências (Pure)

Resumo

O ministério da educação de Moçambique lançou, em 2003, a terceira reforma curricular do ensino básico, tendo como objectivos a ligação escola-comunidade e a introdução dum currículo local nas escolas. A introdução do currículo local pretendia permitir que a comunidade pudesse participar na formação dos educandos através da identificação e integração dos saberes locais. Neste sentido, procurou-se compreender de que forma a comunidade é envolvida na identificação e integração dos saberes locais e que estratégias as escolas têm usado para que a comunidade participe de forma ativa neste processo. Para tal, optou-se por um estudo qualitativo na modalidade de estudo de caso múltiplo. Em termos conceptuais definimos como conceitos chave a organização escolar, a participação e o desenvolvimento curricular.
Idioma originalPortuguese
Título da publicação do anfitriãoAtas do I Seminário Internacional
Subtítulo da publicação do anfitriãoEducação, Território e Desenvolvimento Humano
Local da publicaçãoPorto
EditoraUniversidade Católica Portuguesa
Páginas1022-1034
Número de páginas13
Volume2
ISBN (eletrónico)9789899948600
Estado da publicaçãoPublished - 2015
EventoI Seminário Internacional: educação, territórios e desenvolvimento humano - Universidade Católica Portuguesa, Porto
Duração: 23 jun 201524 jun 2015

Conferência

ConferênciaI Seminário Internacional: educação, territórios e desenvolvimento humano
País/TerritórioPortugal
CidadePorto
Período23/06/1524/06/15

Keywords

  • Currículo local
  • Participação
  • Reforma educativa
  • Desenvolvimento curricular

Citação