Developing preceptors’ skills: experts’ view

Título traduzido da contribuição: Desenvolvimento de competências dos enfermeiros orientadores: uma visão de peritos

Resultado de pesquisarevisão de pares

1 Citação (Scopus)
14 Transferências (Pure)

Resumo

Enquadramento: O quadro legal do Curso de Licenciatura em Enfermagem em Portugal e o Regulamento para o Exercício Profissional dos enfermeiros apontam para a contribuição do enfermeiro na formação dos estudantes de enfermagem.
Objetivo: Caracterizar o processo de desenvolvimento de competências dos enfermeiros orientadores de ensino clínico. Metodologia: Estudo qualitativo, utilizando a metodologia da Grounded Theory. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas a 7 enfermeiros peritos. A amostragem teórica foi conduzida de acordo com as necessidades identificadas no processo de codificação. A análise e tratamento dos dados seguiu a metodologia em uso. Resultados: Os aspetos caracterizadores do desenvolvimento de competências dos orientadores são a nível educacional, a socialização primária e secundária, e a nível profissional, a experiência, o conhecimento, a capacidade de análise e a iniciativa profissional. Conclusão: Os peritos evidenciam no seu desenvolvimento de competências as vivências de natureza educacional e escolar que promovem a reflexão critica e uma postura proativa e aspetos de natureza profissional como a perícia, a capacidade de análise e a motivação.
Título traduzido da contribuiçãoDesenvolvimento de competências dos enfermeiros orientadores: uma visão de peritos
Idioma originalEnglish
Número do artigoe20036
RevistaRevista de Enfermagem Referência
Volume5
Número de emissão5
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - mar 2021

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Desenvolvimento de competências dos enfermeiros orientadores: uma visão de peritos“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação