Gilders and painters-gilders in the golden age of Évora

Título traduzido da contribuição: Douradores e pintores no período áureo da cidade de Évora

Antónia Fialho Conde, Custódia Araújo, Milene Gil

Resultado de pesquisarevisão de pares

Resumo

Em finais do século XV, Évora era uma cidade cosmopolita com crescente importância em termos culturais e artísticos. Ao longo do século XVI e da primeira metade do século XVII, a cidade atravessou uma era dourada, acolhendo artistas portugueses e estrangeiros que procuravam estar próximos da Corte. Entre eles, constavam pintores, douradores e entalhadores, que atendiam à crescente demanda de trabalho. O presente artigo oferece uma visão das vidas destes homens que trabalharam em Évora e no seu termo, ao longo do século XVI, até ao início do século XVIII. Com base em pesquisa documental, são apresentados detalhes das comissões, dos encomendantes e da organização laboral, assim como dados referentes à vida pessoal e social destes artistas.
Título traduzido da contribuiçãoDouradores e pintores no período áureo da cidade de Évora
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)59-66
Número de páginas8
RevistaConservar Patrimonio
Número de emissão22
DOIs
Estado da publicaçãoPublished - dez 2015
Publicado externamenteSim

Keywords

  • Douradores
  • Pintores
  • Pintores-douradores
  • Évora
  • Período áureo
  • História social

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Douradores e pintores no período áureo da cidade de Évora“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação