Infoentretenimento e o "não-acontecimento" jornalístico em debate: pesquisa exploratória com estudantes de jornalismo da Universidade do Minho

Eduardo Faria, José Gabriel Andrade

Resultado de pesquisarevisão de pares

Resumo

Esta pesquisa pretende levantar discussões sobre a convergência observada entre o jornalismo e o entretenimento, e o quanto esta relação participa na formação dos futuros profissionais da informação. Observa-se que o infoentretenimento, cada vez mais presente no jornalismo, pode ser um catalisador para atrair públicos, como o uso “não acontecimento” jornalístico. No entanto, tal estratégia rompe com o princípio da realidade factual do jornalismo, podendo afetar a credibilidade jornalística perante a sociedade. Neste caso, sendo necessário (re)pensar o exercício profissional e a formação dos futuros profissionais do jornalismo. O estudo apresenta dados coletados de estudantes de jornalismo da Universidade do Minho, explorando às percepções dos alunos sobre a estreita relação entre o jornalismo e o entretenimento.
Idioma originalPortuguese
Número de páginas15
Estado da publicaçãoPublicado - set. 2023
Evento46º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC), Minas Gerais
Duração: 5 set. 20238 set. 2023
https://intercom2023.pucminas.br/

Conferência

Conferência46º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação
País/TerritórioBrazil
CidadeMinas Gerais
Período5/09/238/09/23
Endereço da Internet

Keywords

  • Educação
  • Jornalismo e educação
  • Infoentretenimento
  • Processos comunicacionais

Citação