Instruments for evaluation of the risk of prolongation of hospitalization

Diana Andreia Santos Modas*, Elisabete Maria Garcia Teles Nunes

*Autor correspondente para este trabalho

Resultado de pesquisarevisão de pares

4 Transferências (Pure)

Resumo

Objetivo: Mapear a existência de instrumentos para avaliação do risco de prolongamento do tempo de internação com retardo da alta hospitalar do paciente. Métodos: Efetuada revisão da literatura do tipo scoping de acordo com o proposto pela Joanna Briggs Institute. Efetuada pesquisa na plataforma eletrônica da Ebscohost: Medline, Cinahl, MedicLatina, Cochrane Data Base of Systematic Reviews; na PubMed, em repositórios (RIMAS, RIAP RIUIS, RCAAP e Veritati) e no Google Scholar. Consultadas as referências bibliográficas dos documentos selecionados. Resultados: Da pesquisa efetuada selecionaram-se 7 artigos para análise, que abordavam 4 instrumentos: Patient Status of Continence, Ambulation, Age, Social Background and Thought Processes; 4-Score, Blaylock Risk Assessment Screen e The Multidisciplinary Record. Conclusão: O risco de prolongamento do tempo de internação com retardo da alta hospitalar pode ser avaliado através de 4 tipos de instrumentos. Esta avaliação foca-se principalmente na função cognitiva do paciente, na sua idade, no seu nível de dependência nas atividades de vida diárias, na sua mobilidade e apoio social de que dispõe, apostando-se num planejamento de alta precoce e preventivo.
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)237-245
Número de páginas9
RevistaACTA Paulista de Enfermagem
Volume32
Número de emissão2
DOIs
Estado da publicaçãoPublished - 2019

Keywords

  • Medição de risco
  • Tempo de internação
  • Alta do paciente
  • Literatura de revisão como assunto

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Instruments for evaluation of the risk of prolongation of hospitalization“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação