Resumo

A sociedade em que vivemos está profundamente marcada pela integração das tecnologias digitais no nosso quotidiano. Assim, as crianças nascem em lares onde proliferam o computador, os smartphones e os tablets, tendo contacto com estes dispositivos desde cada vez mais cedo, utilizando-os nas suas rotinas diárias, procurando estar entretidas constantemente. Estes dispositivos são as “varinhas mágicas” contemporâneas, capazes de apoiar as crianças na obtenção de entretenimento, na exploração dos seus interesses e curiosidades, em simulações, e mesmo na socialização. Por outro lado, as crianças estão expostas a riscos online, tais como o contacto com conteúdos que não são apropriados para a sua idade, a recolha de dados para exploração comercial, os riscos de segurança e invasão de privacidade e contacto com estranhos. A “digitalização” da infância e o ritmo acelerado, sem precedentes, do desenvolvimento tecnológico, colocam novos desafios aos vários intervenientes na proteção dos direitos das crianças, nomeadamente aos pais e à escola. Os pais são desafiados a mediar esta apropriação e utilização digital dos filhos navegando nesse ambiente digital sem qualquer roteiro definido pelas gerações anteriores. Por isso, por vezes, o caminho pode mostrar-se duvidoso e pleno de paradoxos e dilemas, nomeadamente em questões sobre proteção de privacidade e acesso a oportunidades, aprendizagens e atividades lúdicas, experiências virtuais e atividades ao ar livre, conexões mediadas e competências sociais, co-utilização e definição de r gras. A escola não se pode alhear da evolução das tecnologias na sociedade, do seu potencial nas aprendizagens das crianças, assim como do seu papel em promover competências que serão necessárias no futuro das crianças. No entanto, alguns docentes encaram-nas ainda como uma barreira, faltando-lhes confiança nesta utilização para e om as crianças. Pretende-se com este ebook refletir sobre a utilização de tecnologias por crianças mais jovens, até 8 anos, em contexto familiar e na escola, na presente sociedade. Que desafios? Que caminhos Assim, juntámos vários investigadores, académicos e especialistas na área das tecnologias digitais e crianças. Os autores dos capítulos são de vários pontos do mundo, desde o Brasil, a Croácia, a Espanha, os Estados Unidos da América, a Finlândia, a Grécia, Israel, a Lituânia, Portugal, o Reino Unido e a Turquia, o que revela a importância, a atualidade e a necessidade de investigação e refl xão sobre a...
Idioma originalPortuguese
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 2019

Citação