Mental health, sexuality and old age

Rosa Carla Gomes da Silva, Analisa Lia Silva Candeias, Silvana Sidney Costa Santos, Luís Octávio de Sá, Beatriz Rodrigues Araújo

Resultado de pesquisarevisão de pares

Resumo

No envelhecimento surgem várias respostas humanas no idoso que carecem de uma intervenção diferenciada. A sexualidade, saúde sexual e saúde mental no idoso apresentam uma relação que interessa aos profissionais de saúde e enfermeiros. São objetivos deste artigo: compreender em que medida a sexualidade durante a velhice pode ser uma área de atenção dos enfermeiros; explorar a relação existente entre as vivências da sexualidade da pessoa idosa e a saúde mental; propor um conjunto de linhas orientadoras para a prática neste tema. Estudo qualitativo realizado a partir de opiniões de enfermeiros peritos no contexto da prática clínica/ensino.Utilizou-se a análise de conteúdo. Do corpus de análise emergiram categorias que permitiram aferir que a sexualidade na velhice é assumida como uma área que merece a atenção dos enfermeiros e a sua vivência equilibrada mostra-se fundamental para a promoção e manutenção da saúde mental. As intervenções propostas centram-se na desmistificação, sensibilização e no empoderamento do idoso pela informação e desenvolvimento de capacidades para a gestão de comportamentos. Os peritos consideraram que, por meio da ação de enfermagem centralizada na sexualidade, saúde sexual e na saúde mental, o idoso se beneficia de efetivos ganhos em saúde.
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)181-189
Número de páginas9
RevistaJournal of Nursing and Socioenvironmental Health
Volume1
Número de emissão2
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - nov 2014

Keywords

  • Idoso
  • Sexualidade
  • Saúde Sexual
  • Saúde Mental
  • Enfermagem

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Mental health, sexuality and old age“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação