Orhan Pamuk and the construction of Turkey's National memory in Istanbul. Memories of a City

Resultado de pesquisarevisão de pares

12 Transferências (Pure)

Resumo

Istanbul. Memories of a City (2005), mais do que um livro de memórias, constitui-se numa revisão de momentos significativos da história da Turquia, através da qual o escritor problematiza questões de representação da nação e da sua identidade. Ao analisar como o livro de Pamuk revisita a memória cultural da Turquia, quando a adesão do país à União Europeia é considerada um assunto chave para a estabilidade da Europa no futuro, o meu objectivo é examinar em que medida o debate sobre a referida adesão reproduzas representações que o ocidente tem feito do mundo oriental em termos culturais e ideológicos.
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)169-180
RevistaMáthesis
Número de emissão19
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 2010

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Orhan Pamuk and the construction of Turkey's National memory in Istanbul. Memories of a City“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação