Redenção e escatologia. Estudos de filosofia, religião, literatura e arte na cultura portuguesa: idade contemporânea

Samuel Dimas, Renato Epifânio, Luís Lóia

Resultado de pesquisa

5 Transferências (Pure)

Resumo

O segundo tomo do terceiro volume desenvolve uma reflexão filosófica e teológica sobre as noções religiosas de Redenção e Escatologia na cultura portuguesa da Idade Contemporânea. Atende à reação espiritualista deísta e teísta do pensamento português aos ateísmos, positivismos, agnosticismos e panteísmos da cultura dominante do final do século XIX e início do século XXI. Em alternativa à metafísica abstrata decadente, ao racionalismo neocriticista, ao neopositivismo lógico e à dialética materialista, ressurgem as propostas espiritualistas, na forma sincretista e esotérica, no modelo monista fenomenológico e panteísta, no modelo dualista deísta e na expressão teísta religiosa. Na mundividência cristã da nossa cultura, a ressurreição constitui-se como o acontecimento religioso mais significativo de resposta à procura de sentido para a origem e para o destino do homem e do Mundo, que em termos filosóficos é traduzido pela metafísica pluralista da criação e da redenção, na procura de uma correlação analógica entre a transcendência e a imanência de Deus.
Idioma originalPortuguese
Local da publicaçãoLisboa
EditoraUniversidade Católica Editora
Número de páginas578
Volume3
ISBN (impresso)9789725406892
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 2019

Keywords

  • Religião
  • Ciências sociais e humanas
  • Filosofia

Citação