Stress, autoconfiança e expectativas de rendimento em atletas de formação de futebol: o papel mediador da avaliação cognitiva

Rui Resende, Catarina Morais, A. Rui Gomes, Clara Simães

Resultado de pesquisarevisão de pares

15 Transferências (Pure)

Resumo

A participação no desporto juvenil, e em particular na competição, nem sempre tem impacto positivo nos atletas. Sakar e Fletcher (2014) sumarizaram as principais fontes de stress na competição juvenil: receio de insucesso desportivo, de cometer erros, e de sofrer lesões, má condição desportiva, expectativas sociais, os adversários. No entanto, o modo como os atletas se sentem face ao desporto não depende apenas do potencial stress do desporto, mas também do modo como o stress é avaliado pelos atletas. Assim, este estudo analisou o papel mediador da avaliação cognitiva na relação entre o stress competitivo, a autoconfiança desportiva e as expectativas de rendimento desportivo.
Título traduzido da contribuiçãoStress, self-confidence and performance expectations of young football athletes: the mediating role of cognitive appraisal
Idioma originalPortuguese
Número de páginas1
Estado da publicaçãoPublicado - nov. 2023
EventoXIII Jornadas da Sociedade Portuguesa de Psicologia do Desporto - Universidade da Maia, Maia
Duração: 2 nov. 20225 nov. 2022

Conferência

ConferênciaXIII Jornadas da Sociedade Portuguesa de Psicologia do Desporto
País/TerritórioPortugal
CidadeMaia
Período2/11/225/11/22

Citação