Users of the Public Bathhouse of Alcântara: health profile diagnosis

Título traduzido da contribuição: Utilizadores do Balneário Público de Alcântara: diagnóstico da situação de saúde

Resultado de pesquisarevisão de pares

4 Transferências (Pure)

Resumo

Enquadramento: O projeto de extensão à comunidade da Universidade Católica Portuguesa, que envolve o Balneário Público de Alcântara, iniciou-se com a necessidade de conhecer os seus utilizadores. Objetivos: Caracterizar o perfil sociodemográfico e de saúde dos utilizadores e descrever a utilização dos recursos sociais e de saúde. Metodologia: Estudo descritivo e transversal, de natureza quantitativa, com aplicação de formulário a 145 utilizadores. Resultados: O utilizador típico é do sexo masculino, solteiro, vive só, tem entre 25 e 35 anos (21%). Este utilizador frequenta o balneário, duas a três vezes por semana. A maioria (58,3%) não tem casa de banho, 29,7% são sem abrigo, 35,2 % não estão inscritos em centro de saúde e 24,8% têm patologia do foro mental. Conclusão: O utilizador tipo do balneário situa-se na fase ativa, é natural de Lisboa e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa e não tem qualquer fonte de rendimento. Os motivos que levam à utilização do balneário são as dificuldades económicas, a condição de sem-abrigo e a falta de condições sanitárias.
Título traduzido da contribuiçãoUtilizadores do Balneário Público de Alcântara: diagnóstico da situação de saúde
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)107-113
RevistaRevista de Enfermagem Referência
Volume4
Número de emissão9
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 4 jun 2016

Keywords

  • Enfermagem em saúde comunitária
  • Intervenção comunitária
  • Comunidades vulneráveis

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Utilizadores do Balneário Público de Alcântara: diagnóstico da situação de saúde“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação