Utilização de resinas flexíveis em prótese removível - revisão sistemática

Helena Salgado, Beatriz Teixeira, André Correia, Patrícia Fonseca*

*Autor correspondente para este trabalho

Resultado de pesquisarevisão de pares

7 Transferências (Pure)

Resumo

Objetivos: O objetivo desta revisão sistemática é verificar se a confeção de bases protéticas em resina flexível termoplástica apresenta resultados mecânicos e físicos superiores, comparativamente com a resina acrílica convencional. Pretende? se desta forma criar evidência científica suficiente, para que os médicos dentistas sejam capazes de escolher qual o material mais indicado a cada caso, sempre com o objetivo de conferir um tratamento reabilitador que satisfaça as necessidades dos pacientes. Materiais e métodos: Após o registo do protocolo de pesquisa no PROSPERO, a mesma foi realizada utilizando as bases de dados PubMed/ Medline®, Cochrane® Library, Web of Science® e Scopus® onde foi efetuada uma combinação de termos MeSH e de texto livre com os operadores booleanos AND e OR. A questão de investigação foi elaborada segundo a estratégia PICO [A confeção de bases protéticas de próteses removíveis (P) em resina flexível termoplástica (I), comparativamente com a resina acrílica convencional (C), apresenta resultados mecânicos e físicos superiores (O)]. A seleção dos artigos foi realizada por dois investigadores independentes, segundo o fluxograma PRISMA, e a concordância avaliada pelo coeficiente kappa de Cohen, sendo posteriormente analisados e avaliados segundo os critérios de inclusão e exclusão estabelecidos. Resultados: Nos 10 estudos analisados nesta revisão foram avaliados 431 provetes, sendo 310 de resina flexível termoplásticas e 121 de resina acrílica convencional. Os estudos incluídos são in vitro e comparam as propriedades mecânicas e características físicas entre os diferentes tipos de resina. A confeção de bases protéticas removíveis em resina flexível termoplástica apresenta resultados mecânicos excelentes tais como a resistência à flexão, módulo de elasticidade, resistência ao impacto e resistência ao cisalhamento. Já no que se refere às características físicas: estabilidade de cor e rugosidade de superfície, as resinas flexíveis apresentam resultados inferiores em comparação com a resina acrílica convencional. Conclusões: A confeção de bases protéticas removíveis em resina flexível termoplástica apresenta resultados mecânicos excelentes, mas que aliados às fracas características físicas, podem não apresentar resultados superiores a longo prazo, comparativamente à resina acrílica convencional. No entanto, é necessária a realização de estudos clínicos a longo prazo, de maneira a investigar estas propriedades e características in vivo.
Idioma originalPortuguese
Número do artigo#080
Páginas (de-até)34-34
Número de páginas1
RevistaRevista Portuguesa de Estomatologia, Medicina Dentária e Cirurgia Maxilofacial
Volume62
Número de emissãoS1
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 7 jan. 2021

Citação