Validation of the falls efficacy scale - international in a sample of Portuguese elderly

Título traduzido da contribuição: Validação da Falls Effi cacy Scale International numa amostra de idosos portugueses

Cristina Maria Alves Marques-Vieira, Luís Manuel Mota de Sousa, Lisete Maria Ribeiro de Sousa, Sílvia Maria Alves Caldeira Berenguer

Resultado de pesquisarevisão de pares

11 Citações (Scopus)
58 Transferências (Pure)

Resumo

Objetivo: traduzir e adaptar Falls Efficacy Scale Internacional (FES-I). Analisar as propriedades psicométricas da versão FES-I Portugal. Método: estudo psicométrico. Amostra constituída por 170 idosos a residir na Região Autónoma da Madeira. Utilizou-se um formulário com duas partes (caracterização sociodemográfica e FES-I Portugal). Fez-se a adaptação transcultural e avaliaram-se as propriedades psicométricas: validade (constructo, preditiva e discriminante), confiabilidade (α de Cronbach) e fiabilidade interobservador. Resultados: os resultados permitiram verificar uma dimensão de atividades físicas menos exigentes e outra de atividades físicas mais exigentes. O estudo de fiabilidade interobservadores foi de 0,62, com um coeficiente de correlação interclasse de 0,859, para um intervalo de confiança de 95%. A consistência interna da versão portuguesa foi de 0,962. Conclusão: a validade e a confiabilidade da FES-I Portugal são consistentes com a versão original e revelam ser instrumentos adequados à avaliação dos diagnósticos de enfermagem “andar comprometido” e “risco de quedas” em idosos.
Título traduzido da contribuiçãoValidação da Falls Effi cacy Scale International numa amostra de idosos portugueses
Idioma originalEnglish
Páginas (de-até)747-754
Número de páginas8
RevistaRevista Brasileira de Enfermagem
Volume71
DOIs
Estado da publicaçãoPublicado - 2018

Keywords

  • Medo
  • Acidentes por quedas
  • Fatores de risco
  • Idosos
  • Estudos de validação

Impressão digital

Mergulhe nos tópicos de investigação de “Validação da Falls Effi cacy Scale International numa amostra de idosos portugueses“. Em conjunto formam uma impressão digital única.

Citação