Apanhados pela pandemia
: ansiedade, depressão e stress num grupo de estudantes universitários

  • Mafalda Rocha Lemos Silva (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Atualmente, com o decorrer da pandemia da COVID-19, os estudantes universitários são considerados um dos grupos mais afetados, sendo que os níveis de ansiedade, depressão e stress nos estudantes são superiores quando comparados com a população em geral. Neste sentido, o presente estudo pretendeu estudar os níveis de ansiedade, depressão e stress em estudantes universitários, num período atípico, como a suspensão de atividades letivas presenciais. A amostra foi constituída por 247 estudantes universitários, com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos. Para avaliação dos níveis de ansiedade, depressão e stress, utilizou-se a versão portuguesa adaptada da EADS-21 – Escala de Ansiedade, Depressão e Stress e criou-se um questionário para avaliação das variáveis sociodemográficas, contextuais e académicas dos estudantes. Dos resultados obtidos através de uma metodologia quantitativa, salienta-se que uma elevada percentagem dos estudantes apresentava níveis clínicos de ansiedade, depressão e stress durante o período de suspensão das atividades letivas presenciais. Uma possível limitação deste estudo remete para a representatividade geográfica limitada e para o facto dos estudantes frequentarem maioritariamente o ensino privado. Contudo, em futuras investigações, pode ser pertinente um estudo que integre outros possíveis fatores de risco (e.g., nível socioeconómico, padrões de higiene de sono e consumos de substâncias).
Data do prémio13 jul 2021
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorLuísa Campos (Supervisor) & Pedro Dias (Co-Orientador)

Keywords

  • Ansiedade
  • Depressão
  • Stress
  • Pandemia COVID-19
  • Estudantes universitários

Designação

  • Mestrado em Psicologia

Citação

'