Business combinations under common control
: práticas das empresas portuguesas

  • Ana Catarina Farinha Calisto (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

De forma a estudar as práticas comuns nas sociedades portuguesas quanto ao relato financeiro das concentrações de atividades empresariais sob controlo comum, foram analisados os relatórios e contas consolidados e individuais das entidades que constituíam o PSI – índice de referência do mercado de capitais português - em janeiro de 2022, tal como de suas subsidiárias caso esses relatórios e contas estejam disponíveis, ou em site próprio do grupo ou publicados no site da Comissão de Mercado dos Valores Mobiliários. O objetivo da pesquisa é encontrar este tipo de operações nos relatórios e contas e aferir por que método foram reconhecidos os investimentos, ou ativos e passivos em caso de fusões e cisões, na esfera da entidade adquirente/incorporante/cindida. Identificadas as operações é apurado se existem ou não interesses que não controlam e se as operações seguem os trâmites do projeto atual do International Accounting Standards Board para uma futura norma contabilística. Da pesquisa e posterior análise dos resultados, foram identificadas 134 operações qualificadas como concentrações de atividades empresariais, com uma divisão entre as operações conclusivas quanto ao método e as que indiciam um método mas que não é possível ter 100% certeza do método indiciado.
Data do prémio7 jul 2022
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorMaria Luisa Anacoreta Correia (Supervisor)

Keywords

  • Concentrações de atividades empresariais sob controlo comum
  • Método do preço de aquisição
  • Método do custo histórico

Designação

  • Mestrado em Auditoria e Fiscalidade

Citação

'