Doing well by doing good
: the relationship between credit ratings and corporate governance : a study on U.S. firms

  • Margarida Correia Frango (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

O Governo das Sociedades tem vindo a tornar-se um tópico de crescente relevância. Nesta dissertação, é estudado se uma governança corporativa mais forte leva a ratings de crédito mais altos.Primeiramente, é estudado o impacto da variável de governo das sociedades (Governance Pillar Score), da base de dados Refinitiv’s Datastream ESG Scores, no rating de crédito de uma empresa. Os resultados deste estudo indicam que as Agências de Rating tendem a dar pontuações mais altas a empresas que apresentam melhor governo das sociedades. Estes resultados são robustos, controlam para características específicas de cada empresa e estão de acordo com a literatura anterior. Posteriormente, o impacto de medidas específicas do governo das sociedades é analisado. Neste caso, os resultados obtidos já não são significativos. Em geral, estes resultados sugerem que o desempenho de governo das sociedades contém informações importantes não financeiras, que as agências de rating usam na sua avaliação do risco de uma empresa. Consequentemente, uma empresa que apresenta um Governo das Sociedades mais forte pode ter custos de financiamento mais baixos, resultantes de ratings de crédito mais altos.
Data do prémio28 jan. 2022
Idioma originalEnglish
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorDiana Bonfim (Supervisor)

Keywords

  • Governo das sociedades
  • Rating de crédito
  • Risco de crédito

Designação

  • Mestrado em Finanças

Citação

'