Fundamentar o presente para assegurar o futuro
: relatório de estágio

  • Ana Luisa Sousa Araújo (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

O progressivo envelhecimento da população e o consequente aumento das doenças crónicas, implicam um substancial consumo de medicamentos. Perante as vulnerabilidades dos segmentos da população com idades mais avançadas, revelou-se pertinente estudar a temática do Regime Medicamentoso nos Idosos. O Módulo I do estágio na Unidade de Cuidados Continuados (UCC) de Campanhã (ACES Porto Oriental) centrou-se na realização de um Diagnóstico de Saúde da população com idade de 65 anos ou mais, focando a área programática do Regime Medicamentoso. Nesse âmbito, efetuou-se a colheita, análise e interpretação de dados a partir de uma amostra aleatória de utentes. O estudo revelou que a amostra (100 idosos) tem como principais problemas a situação económica (30% da amostra refere dificuldade em ter dinheiro para comprar a medicação), a cognição diminuída (15% da amostra que revela dificuldade em ler as embalagens) e a perda de mobilidade (14% da amostra refere dificuldade em deslocar-se até à farmácia). Os dados sugerem que deveria diminuir a complexidade do regime medicamentoso (a média de fármacos encontrada foi de 5,7 ± 2,8), pelo que ficaram designadas como necessidades a Adesão e a Gestão do Regime Medicamentoso. No Módulo II do estágio foram delineados planos de intervenção individuais para um pequeno grupo de utentes referenciados pela UCC de Campanhã, com o diagnóstico de Gestão ineficaz do Regime Medicamentoso. Após intervenção documentada de enfermagem (SESI, entrevistas telefónicas e visitações domiciliárias), verificaram-se ganhos totais em saúde para 25% da amostra selecionada e parciais em 50%. De referir que para os restantes 25%, à data da intervenção, não foi identificada qualquer necessidade de intervenção. No último Módulo os principais objetivos reportaram-se a conhecer a realidade da ECCI de Campanhã, integrando as visitações domiciliárias, e a acompanhar as consultas de enfermagem ao nível da UCSP de São Roque da Lameira. Foi ainda realizado um trabalho de pesquisa relativo aos idosos e à dependência no autocuidado, com a criação de um instrumento de colheita de dados para avaliação da sua dependência. A abordagem do tema descreve os instrumentos de avaliação (indicadores) da dependência no autocuidado e dessa forma viabiliza futuros Diagnósticos de Situação de Saúde nessa área programática em particular. O percurso de estágio veio corroborar a ideia de que é na comunidade que o Enfermeiro tem um papel importante como agente impulsionador de educação para a saúde.
Data do prémio2015
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorPaulo Alexandre Pimenta Alves (Supervisor) & Armando Almeida (Supervisor)

Keywords

  • Diagnóstico de situação
  • Regime terapêutico
  • Autocuidado
  • Dependência

Designação

  • Mestrado em Enfermagem

Citação

'