Gerir para gerar impacto social
: da abordagem conceptual à realidade nas empresas cotadas no PSI-20

  • Sofia Duarte Pama (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Com o mundo em constante transformação, o propósito das empresas há muito que deixou de ser apenas a mera criação de valor económico. Destaca-se a importância das contribuições para a sociedade, isto é, a capacidade de as empresas priorizarem a criação de impacto social positivo para os diferentes grupos de interessados. A sustentabilidade nos negócios tornou-se um princípio (quase) obrigatório, dado que existe, cada vez mais, uma sensibilização dos diferentes stakeholders, sendo que estes exigem palavras, estratégias e ações por parte das empresas, de forma a contrariarem as crises sociais e ambientais que vão ganhando espaço na sociedade atual. A presente dissertação procura perceber, assim, como as empresas do PSI-20 respondem a estas exigências, partindo da seguinte questão de investigação: “Como encaram as empresas do PSI-20 o tema do seu impacto social?”. Como fruto da pesquisa, tendo por base os relatórios corporativos da dezanove empresas, conclui-se que, apesar de algumas empresas não passarem da mera comunicação das palavras-chave associadas a impacto social, e obtidas através da revisão de literatura, a maioria apresenta muita consistência na transformação das palavras em estratégias e, por fim, em ações. De notar que, por vezes, não o fazem sob a denominação de impacto social, mas não é por isso que deixam de conseguir captar a essência do tópico.
Data do prémio6 jul 2022
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorRaquel Campos Franco (Supervisor)

Keywords

  • Impacto social
  • Sustentabilidade
  • Stakeholders
  • Estratégia

Designação

  • Mestrado em Gestão

Citação

'