Manipulação de resultados
: o caso da indústria têxtil portuguesa

  • Mário Lima Carneiro Garcia Diniz (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Este trabalho, realizado no âmbito do mestrado em Finanças, na modalidade de dissertação, estuda a temática da manipulação de resultados contabilísticos pela indústria têxtil, analisando motivações para a manipulação, formas de manipulação e as metodologias para a sua deteção. O conceito de manipulação de resultados é entendido como a prática que tem como objetivo manipular resultados positivamente ou negativamente para chegar a valores pretendidos, com o intuito de serem retiradas vantagens, quer para um indivíduo ou para uma entidade. Desenvolvo neste trabalho, através da metodologia dos accruals baseada no modelo de Dechow e Dichev (2002), uma análise de quais as variáveis que melhor explicam a manipulação de resultados das empresas do setor têxtil. Os resultados obtidos vão de encontro aos esperados, ficando provado empiricamente a existência de indícios da prática de manipulação de resultados na indústria têxtil.
Concluí que, entre diversas variáveis significantes para perceber a magnitude da manipulação das empresas em questão, as mais influentes são a volatilidade dos resultados relatados, a volatilidade das vendas e a dimensão da empresa.
Data do prémio14 jul 2015
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorPaulo Alves (Supervisor)

Designação

  • Mestrado em Finanças

Citação

'