O anjo como mediação

  • Mónica dos Prazeres Ferreira de Neiva (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Depois de uma exposição do desenvolvimento do pensamento acerca dos anjos, ao longo da história, faz-se uma reflexão acerca do conceito de mediação, tendo por fundamentoa mediação de Cristo. Estabelecendo o conceito de anjo como mediação de Deus e o modo como o ser humano experimenta a realidade, visível e invisível, pretende-se conhecer na prática o que pensam os crentes e não crentes acerca dos anjos, assim como as práticas religiosas a que recorrem para expressar, porventura, a crença na existência de anjos. Para tal foi desenvolvido e aplicado um estudo, que abrangia a população da região do Minho, e posteriormente, analisados os dados obtidos. De modo disruptivo, foi aplicado o mesmo estudo a um recurso de inteligência artificial, o ChatGPT.
Data do prémio19 abr. 2023
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorLuís M. Figueiredo Rodrigues (Supervisor)

Keywords

  • Angelologia
  • Anjo
  • Crença
  • Intermediação
  • Mediação
  • Piedade popular
  • Religiosidade popular

Designação

  • Mestrado Integrado em Teologia

Citação

'