O uso da internet em contexto pandémico
: papel mediador na saúde mental e medo do COVID

  • Joana Maria Vale Castanheira Martins (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

A internet assume-se como uma ferramenta essencial na sociedade moderna, tendo transformado drasticamente a forma como as pessoas se relacionam, comunicam, aprendem e trabalham. Se o uso for em demasia e descontrolado, pode-se tornar problemático podendo afetar o bem-estar psicológico dos indivíduos, nomeadamente ansiedade ou depressão. Porém, no contexto da pandemia atual causada pelo coronavírus, marcada por aumento de ansiedade e receios, assumiu um papel importante em diversos contextos e, em particular, na manutenção dos contactos interpessoais e na saúde mental dos jovens adultos. Deste modo, o presente estudo teve como objetivo geral explorar o papel mediador do uso da internet na relação entre a saúde mental (ansiedade, depressão e stress) e o medo da COVID-19. Pretendeu-se, ainda, analisar a relação entre essas mesmas variáveis e as diferenças em função do sexo dos participantes. Para este estudo, a amostra utilizada foi constituída por 443 jovens adultos portugueses e foram utilizadas a Internet Addiction Test, Escalas de Ansiedade Depressão e Stress, Multidimensional Assessment of COVID-19-Related Fears e um questionário sociodemográfico para a recolha de dados. Os resultados mostraram que existe uma relação estatisticamente significativa positiva entre o uso da internet e a depressão, ansiedade e stress, e o medo da COVID-19 e a depressão, ansiedade e stress. Além disso, foi possível constatar que as mulheres apresentam pontuações significativamente mais elevadas na ansiedade, depressão e stress comparativamente aos homens. No entanto, no que diz respeito ao uso da internet, as diferenças entre os sexos não foram significativas. Por fim, verificou-se que o stress parece ter um papel mediador na explicação da relação entre o uso da internet e o medo da COVID-19. Esta investigação pretende contribuir para um aumento do conhecimento sobre o papel da internet na resposta a este desafio e preparação para outras situações críticas. Estudos como este podem ser um meio para uma melhor compreensão das consequências da COVID19 na saúde mental e do papel mediador da internet nesta relação.
Data do prémio31 jan. 2022
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorPaulo César Dias (Supervisor)

Keywords

  • Internet
  • Saúde mental
  • COVID-19
  • Jovens adultos

Designação

  • Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde

Citação

'