Papel preditivo dos estereótipos negativos sobre o envelhecimento na autopercepção do envelhecimento em adultos mais velhos institucionalizados e não institucionalizados

  • Eduarda Isabel Lima Oliveira (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Introdução: A adultez tardia, enquanto etapa culturalmente organizada,consagra-se como a grande fase da vida por excelência. Não obstante, o facto de subsistir uma ordem social "adultocêntrica" faz com que esteja em voga um mundo abrangível por estereotipias, projetando sobre a adultez tardia uma representação social gerontofóbica, impactando as autoperceções sobre o envelhecimento. Objetivos: Explorar o papel preditivo dos estereótipos negativos do envelhecimento sobre a autoperceção do mesmo em adultos mais velhos e a relação entre estes e variáveis sociodemográficas e contextuais. Amostra: A amostra foi constituída por 242 adultos mais velhos portugueses, institucionalizados e não institucionalizados, com idade igual ou superior a 65 anos, que preencheram um questionário sociodemográfico, o Questionário de Estereótipos Negativos sobre o Envelhecimento e o Questionário sobrePerceções de Envelhecimento. Resultados: Encontraram-se correlações estatisticamente significativas entre estereótipos negativos e autoperceções do envelhecimento, bem como um papel preditivo dos estereótipos negativos na autoperceção negativa. Por sua vez, estas são mais prevalentes entre o sexo feminino, em indivíduos que residem em meio rural, em sujeitos institucionalizados e que não possuem formação na área do envelhecimento. Esta tendência também se revelou em quem apresenta pouco contactointergeracional, uma pior perceção de saúde, nos adultos mais velhos com idade superior a 75 anos, nos indivíduos que possuem uma perceção de início precoce desta etapa, nos não alfabetizados, nos polimedicados e nos que não prestam cuidados informais. Conclusões: Subentende-se a necessidade de implementar intervenções direcionadas à promoção de crenças positivas referentes ao envelhecimento, assim como uma reeducação acerca dos processos inerentes a esta etapa do ciclo vital.
Data do prémio4 mar 2022
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorBerta Rodrigues Maia (Supervisor)

Keywords

  • Adultez tardia
  • Adultos mais velhos
  • Autoperceções
  • Envelhecimento
  • Estereótipos negativos
  • Institucionalizados
  • Não institucionalizados

Designação

  • Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde

Citação

'