Pedagogia social e formação sacerdotal
: centralidade da relação pedagógica : estudo de caso

  • António Afonso Rodrigues (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

É uma constante na solicitude da Igreja a formação dos futuros sacerdotes. É uma preocupação sempre atual a qualidade da formação e do ministério destes sacerdotes. A relação pedagógica é, em grande medida, responsável por essa missão essencialmente dialógica (Pastores dabo vobis, 1992; Ratio fundamentalis, 2016). Desta convicção e inquietação, nasceu o presente Trabalho de Investigação, voltado para responder à questão fundamental do impacto da relação pedagógica (entre formando e formador) na formação e na vida sacerdotal. Vem a propósito a Pedagogia Social na medida em que esta confere aportes pertinentes para a construção de caminhos socioeducativos humanistas e acolhedores que, partindo do valor “pessoa” e dos pressupostos da educabilidade e do diálogo formativo, possibilitam o acesso e o sucesso de uma missão sacerdotal conseguida na sua mais genuína identidade e finalidade, realizando o ideal da salvação – o mais autêntico desenvolvimento humano. O estudo parte de uma revisão de literatura, com a análise de documentos e textos sobre a formação sacerdotal e sobre a relação pedagógica, e avança para um estudo de caso inspirado na nossa experiência direta de formação sacerdotal.
Data do prémio24 fev 2022
Idioma originalPortuguese
SupervisorIsabel Baptista (Supervisor)

Keywords

  • Pedagogia social
  • Formação sacerdotal
  • Relação pedagógica
  • Perfil do formador
  • Desenvolvimento humano

Designação

  • Mestrado em Ciências da Educação

Citação

'