Relação entre a adição ao Instagram, a satisfação com a vida e a autoestima em jovens adultos
: um estudo comparativo

  • Gabriela Marinho Alves dos Reis (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Introdução: A adição ao Instagram pode acarretar severas consequências na vida do indivíduo a nível psicológico, fisiológico e social. Por outro lado, as redes sociais podem ser ferramentas uteis para o quotidiano do individuo. Estudos apontam que o uso problemático das redes sociais, nomeadamente o Instagram, possa impactar a autoestima dos utilizadores que está relacionado positivamente com a satisfação com a vida. Objetivo: O objetivo do presente estudo é explorar a relação entre a adição ao Instagram, a satisfação com a vida e a autoestima em jovens adultos estudantes universitários e realizar uma comparação entre grupos com e sem provável adição ao Instagram no que concerne aos construtos mencionados e a algumas variáveis sociodemográficas. Metodologia: A amostra é constituída por 241 universitários portugueses de ambos os sexos, entre os 18 e os 29 anos (M = 22.03, DP = 2.29), com conta no Instagram. Os inquiridos responderam a um questionário sociodemográfico, à Escala de Adição ao Instagram de Bergen, à Escala de Satisfação com a Vida e à Escala de Autoestima de Rosenberg. Resultados: A pontuação média da Escala de Adição ao Instagram de Bergen foi 13.37 (DP = 4.41), sendo que 29.1% apresenta valores indicativos de uma adição ao Instagram (n = 70). Foram encontradas pontuações médias de 27.17 (DP = 5.34) na Escala de Autoestima de Rosenberg e pontuações médias de 16.31 (DP = 3.97) na Escala de Satisfação com a Vida. O estudo demostra uma relação de forte magnitude entre a satisfação com a vida e a autoestima, sendo que o sexo masculino tende a apresentar valores mais elevados na autoestima. Foi ainda encontrada uma correlação negativa de baixa magnitude entre a autoestima e a pontuação total da Escala de Adição ao Instagram de Bergen, que não se manteve ao analisar os grupos com e sem adição ao Instagram. Conclusão: Este estudo enfatiza o aumento do uso do Instagram e confirma a forte relação entre a satisfação com a vida e a autoestima que pode estar associado às atualizações do Instagram e aos hábitos desenvolvidos durante o período pandémico. É, ainda, retratado o quão paradoxal possam ser os impactos do uso desta rede social, sublinhando a importância de novas investigações nacionais que explorem a utilização do Instagram e as consequências para os utilizadores.
Data do prémio30 jan. 2024
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorBerta Rodrigues Maia (Supervisor) & Paulo César Dias (Co-Orientador)

Keywords

  • Adição ao Instagram
  • Satisfação com a vida
  • Autoestima
  • Uso problemático das redes sociais

Designação

  • Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde

Citação

'