Relatório de estágio
: desenvolvimento de competências e aquisição de saberes

  • Andreia Salome Montes Pinho (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

O presente relatório evidencia os principais contributos do estágio no âmbito do Curso de Mestrado em Enfermagem com Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica, realizado no Serviço de Urgência do Hospital Pedro Hispano, Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente do Hospital S. João e no Instituto Nacional de Emergência Médica. Tem por objetivo documentar a aprendizagem efetuada durante o estágio, através da capacidade de síntese e análise crítico-reflexiva. Como metodologia, apresenta o método descritivo e reflexivo. Estruturalmente são apresentados quatro Domínios consideradas competências comuns na atuação do Enfermeiro Especialista: Responsabilidade Profissional, Ética e Legal; Melhoria Contínua dos Cuidados; Gestão dos Cuidados e Aprendizagens Profissionais. Descreve o processo de ensino/aprendizagem através da reflexão pessoal das situações vivenciadas, fundamentada em referenciação bibliográfica em cada contexto de estágio. Relata as atividades direcionadas ao doente crítico e família, de acordo com a ética e deontologia profissional, avaliando, adequando e aplicando os diferentes métodos de análise de situações complexas. Evidencia as dificuldades encontradas nos momentos de aprendizagem e de reflexão, no âmbito das estratégias de comunicação com o doente e família no Serviço de Urgência e na Assistência Pré-Hospitalar e, na organização/estrutura dos métodos de trabalho na Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente. Expõe a importância do controlo da infeção no âmbito da qualidade dos cuidados prestados, através dos trabalhos e reflexões realizados sobre o tema, nomeadamente o questionário realizado no Serviço de Urgência com o objetivo de proceder ao levantamento das necessidades identificadas pelos enfermeiros do serviço. Traduz a importância da prática baseada na evidência, através de normas e procedimentos com a elaboração de um protocolo instituído na UCIP sobre “Monitorização Cerebral”. Mostra, através da realização de uma ação de formação sobre “Como ativar o 112”, no âmbito da Assistência Pré-Hospitalar, a preocupação em formular e analisar questões de maior complexidade relacionadas com a formação em Enfermagem. Conclui que o estágio proporcionou a aquisição de competências científicas, metodológicas, profissionais, sociais, relacionais e éticas, que foram objetivas e simplificadamente expressas no presente trabalho, que contribuíram para um maior nível de proficiência na capacidade de problematizar e refletir sobre as práticas que permitiriam uma melhoria da qualidade e eficiência dos cuidados prestados. Neste sentido, o estágio assumiu-se como uma experiência dinâmica e muito enriquecedora que promoveu um desempenho autónomo na qualidade dos cuidados especializados prestados ao doente e família.
Data do prémio25 fev 2014
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorIrene Oliveira (Supervisor)

Designação

  • Mestrado em Enfermagem

Citação

'