Supervisão escolar e lideranças intermédias
: um estudo sobre as concepções e práticas dos coordenadores de departamento curricular

  • Maria de Lurdes Valbom Neves (Aluno)

Tese do aluno

Resumo

Esta dissertação teve como objectivo estudar as dinâmicas de supervisão que ocorrem nos Departamentos Curriculares das escolas públicas, em Portugal. Nesse sentido, procurou conhecer-se e compreender os processos de supervisão dos coordenadores de departamento de dois agrupamentos de escolas, as concepções subjacentes à sua prática, bem como as potencialidades e os constrangimentos que sentem no exercício das suas funções. Sendo um estudo de natureza qualitativa, o principal instrumento na recolha de informação foi a entrevista semiestruturada embora se tenha recorrido igualmente à análise dos principais documentos internos dos dois agrupamentos. A análise dos dados foi realizada segundo a técnica da análise de conteúdo. Procurámos questionar o objecto de estudo analisando-o e confrontando-o com os conhecimentos mais actuais sobre supervisão, liderança e culturas docentes. O quadro conceptual baseou-se essencialmente na contribuição dos mais recentes estudos sobre estas temáticas. A revisão da literatura cobriu as áreas da supervisão, avaliação, liderança e culturas docentes. O objectivo essencial da supervisão é a dinamização e o acompanhamento do desenvolvimento da qualidade da escola e de todos os que nela trabalham. Supervisionar é uma tarefa complexa e de grande responsabilidade e ao supervisor caberá promover o desenvolvimento pessoal, profissional e organizacional. Os resultados obtidos, neste estudo, permitem concluir que a dinâmica de funcionamento dos departamentos curriculares e a forma como os seus coordenadores assumem as funções de supervisores é diversificada, variando entre escolas e dentro da mesma escola. Igualmente se conclui que o conceito e as funções de supervisão não estão completamente apreendidas pelos coordenadores e que as práticas de supervisão encontram-se aquém daquilo que a literatura considera fundamental para atingir os objectivos propostos. A observação mútua de aulas como prática de supervisão, formativa e colaborativa, com vista à melhoria dos desempenhos, não é prática em nenhum departamento curricular apesar da sua relevância para a melhoria do desempenho docente e, por conseguinte, para a melhoria da escola. Em consequência, apresentamos algumas propostas de reformulação das práticas de supervisão mais adequadas ao quadro conceptual proposto pela literatura da especialidade.
Data do prémio7 abr 2016
Idioma originalPortuguese
Instituição de premiação
  • Universidade Católica Portuguesa
SupervisorMaria Helena Mendes Carneiro Peralta (Supervisor)

Keywords

  • Supervisão
  • Liderança intermédia
  • Coordenador de departamento
  • Supervisor
  • Escola reflexiva
  • Escola colaborativa

Designação

  • Mestrado em Ciências da Educação

Citação

'